domingo, 16 de outubro de 2011

Ainda lembro.

  Ainda lembro o que você usava da primeira vez que te vi,  ainda lembro de nossas primeiras conversas, ainda lembro o quanto eu te quis desde nossa primeira conversa, ainda lembro de como pedi que me permitisse um beijo, ainda lembro de como foi nossa história após nosso primeiro beijo, ainda lembro dos planos que criei sozinho sobre nós, ainda lembro quando decidiu que planejar algo junto era bem melhor, ainda lembro de todas músicas que dizíamos ser nossas, ainda lembro o seu sorriso iluminado pelos raios de sol e enfeitados pelas flores a nossa volta, ainda lembro de como diziam que combinávamos, ainda lembro dos nomes dos frutos imagináveis de nosso amor, ainda lembro de nossas brigas, ainda lembro de como se irritava com minhas atitudes, ainda lembro da sua cara de brava, ainda lembro do quão tolo fui por te deixar partir tantas vezes.
  E todos os dias a dor dilacerante me faz lembrar que não posso mais viver sem você. Quero que saibas que eu ainda lembro de nós.