quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Deletério.

Porque quando eu gritava e te chamava, a voz que me atendia não era a sua, então mais uma vez chamava por ti, e novamente a outra voz respondia. A voz era doce e amável, dizia muito do que eu queria ouvir, mas não era a sua voz. Então decidi não mais procurar o som da sua voz, com o tempo acostumei com a outra voz, meus ouvidos aceitavam o doce som que aquela voz tinha, e que os conduzia a um enfâse no mundo dos mais belos sons, mas por mais que belo o som que saia daquela boca seja, e mesmo que meus ouvidos a aceitassem, meu coração ainda assim desejava a sua voz e não está voz usurpadora e doce que tentava toca-lo. Ela podia enganar os ouvidos, mas o coração sabia a verdade, pois o meu coração nunca esqueceu da unica coisa que o tocou de verdade, ele nunca esqueceria da primeira vez que flutou no som de sua bela, doce, afetuosa, harmoniosa e as vezes mórbida voz. Os ouvidos aceitaram, mas o coração continuou sua procura sem fim, e continua procurando a voz que o tocou, mesmo sabendo que não encontraria novamente, o coração é cheio de emoções conturbadas, ele não questiona apenas segue tais emoções, e assim continua a busca.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

O simples paraíso de seu nome.

  O meu paraíso é simples, só basta te ter por perto, só basta saber que você está feliz por me ver, só basta saber que futuramente ainda serei feliz por te ter, e assim dia após dia terei um motivo para sorrir, e esse motivo é você, só você.
  As vezes me pergunto o porque não posso perder um segundo de ti, não sei a resposta, mas algo me diz que ela está em seus olhos, na verdade tudo o que procuro está em seus olhos, e o que não encontro lá é porque está guardado na forma com que sorri.
  Cada noite sem você é uma tortura, é um tédio, passo madrugadas contando os minutos que ainda preciso percorrer, para que você se deite novamente comigo, para que passemos madrugadas abraçados.
  Estou cada vez mais insano, cada vez mais conquistado pela doidice chamada de amor, e eu amo isso. Eu amo ser louco por você.